terça-feira, novembro 24, 2009

A POLITIQUICE CORRECTA ANTIRRA A SUJAR A BANDA DESENHADA NO CINEMA

Uma boa e divinizante representação do Deus Heimdall, Guardião da Ponte:
Uma representação de Heimdall num manuscrito medieval escandinavo:

O Heimdall da banda desenhada Marvel:

O «heimdall» de Hollywood:

Foda-se.

Agradecimentos à camarada Sílvia Santos por ter aqui trazido esta ridícula notícia: no filme «Thor», baseado na adaptação à banda desenhada que a Marvel fez do Deus Germânico do Trovão do mesmo nome, o papel de Heimdall, Guardião da ponte Bifrost (que liga o mundo dos Deuses, Asgard, ao dos homens, Midgard), vai ser interpretado por um actor negro.
Um afro-americano fará pois o papel de um Deus Nórdico.
Isto é a mentalidade chewing-gum-graffiti-rap a querer contaminar um dos baluartes máximos da cultura indo-europeia.
O caso torna-se ironicamente cretino quando se sabe que o epíteto de Heimdall é «O Deus Branco». Ou talvez a palhaçada seja propositada - em Hollywood tem-se sempre receio de se ser acusado de racismo, e representar um Deus Branco como sendo realmente de raça branca poderia eventualmente atrair as invectivas da Inquisição Anti-Racista, «ao da guarda que agora há um filme com um Deus Branco ao pé de outros Deuses todos brancos!», sobretudo porque o tema da mitologia nórdica está muitas vezes associado à extrema-direita nordicista e ao Nacional-Socialismo e tal, às tantas a película ainda passava por apologia secreta ao racismo...

É certo que o filme versa sobre uma personagem de banda desenhada e não directamente da religião nórdica. Mas enfim, logo à partida coloca-se a questão do respeito pela matriz das coisas. E, claro, pelo bom gosto...

O caso faz lembrar a escolha de uma actriz mulata para interpretar o papel de Guinevere na série juvenil britânica «Merlin», transmitida recentemente em Portugal pela SIC Radical. Ora Guinevere significa, em Galês, «O Fantasma Branco»...

Moral da história: quando se quiser um filme em condições sobre cultura europeia, encarregue-se um Peter Jackson da tarefa, já que a sua portentosa e épica trilogia denominada «O Senhor dos Anéis» conseguiu escapar, quase por milagre, à infiltração de todo e qualquer elemento não caucasóide entre os heróis, que seguramente macularia a estética condizente com o ambiente da obra.

41 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Já estou como o Clint Eastwood isto é como pôr um branco a representar o Nelson Mandela num filme.

24 de novembro de 2009 às 20:40:00 WET  
Blogger Thor said...

"Um afro-americano fará pois o papel de um Deus Nórdico."

foda-se! que nojo.
um preto a querer-me roubar a identidade :S

24 de novembro de 2009 às 20:42:00 WET  
Blogger Titan said...

É uma miséria. E é um filme que vou ver se não vejo.

24 de novembro de 2009 às 21:11:00 WET  
Blogger Nepenthes said...

É caso para dizer um grande "foda-se"...
Ao que isto chegou;qualquer dia a Hélade passa a ser no Zimbabwe,e os Deuses do Olimpo aparecem em vídeoclipes musicais a dançar hip-hop...
Só visto.
Isto é mesmo gozar com a cara dos Europeus.E já não é primeira vez que tal aberração acontece em Hollywood:tornou-se mania dos realizadores porem actores negros a torto e a direito nos filmes de temática mitológica,no caso concreto.
Grande palhaçada!...

24 de novembro de 2009 às 21:14:00 WET  
Blogger Nepenthes said...

Acho que não cansar a vista com uma estopada dessas.

24 de novembro de 2009 às 21:18:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

Segundo julgo saber, o filme em questão será uma abordagem cómica à temática associada. Assim sendo, talvez se justifique pôr um negro no lugar de um Deus nórdico...

24 de novembro de 2009 às 22:53:00 WET  
Blogger Caturo said...

Estranho. Thor não é uma personagem cómica.

24 de novembro de 2009 às 23:05:00 WET  
Blogger Titan said...

Estou a ver que é um filme que mete água por todos os lados.lol

24 de novembro de 2009 às 23:49:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

é sabido que Hollywood é dominada por judeus( roteiristas,editores,diretores ,donos de companias e etc),por isso nada fico surpresao com esta noticia!

25 de novembro de 2009 às 03:09:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

O meus amigos, mais uma dos "eleitos".
Então hollywood não é controlada por eles?
A conspiração dos "eleitos" para destruir a cultura Europeia deixa as suas marcas, ao ponto de tentar substituir os brancos por negros.
Um mundo cheio de mestiços dará a estes, que por acaso não se misturam, um domínio total do planeta.
Acordem pois os pretinhos não têm tamanha inteligência para tais ideias.

25 de novembro de 2009 às 09:30:00 WET  
Blogger Luis Gaspar said...

você é doente. e porque é que não comenta os actos de violência bárbara (também presumo que de tão bárbara não poderiam no cinema ser representados por negros, não sei escurecer as letras como você faz com o branco), assaltos, espancamentos, sequestros do seu mário machado e dos seus outros amigos?

25 de novembro de 2009 às 13:46:00 WET  
Blogger Caturo said...

«você é doente.»

Doente é você. Profundamente doente, como provei muitas vezes nos fóruns do Sapo.


«e porque é que não comenta os actos de violência bárbara»

Por três motivos óbvios:
- porque é mais importante denunciar os crimes cometidos por alienígenas do que os crimes cometidos por nacionais, para que se perceba onde conduz a imigração em larga escala;
- porque para comentar à exaustão os alegados crimes dos «nazis», já existem os seus donos e comparsas;
- porque mesmo que quisesse comentar esses crimes que refere, não teria tempo para tal, pois que há demasiada crimes bárbaros cometidos por não brancos que os seus donos e comparsas nos média não noticiam ou nem comentam e alguém tem de o fazer.

25 de novembro de 2009 às 14:14:00 WET  
Blogger Luís Gaspar said...

"- porque mesmo que quisesse comentar esses crimes que refere, não teria tempo para tal, pois que há demasiada crimes bárbaros cometidos por não brancos que os seus donos e comparsas nos média não noticiam ou nem comentam e alguém tem de o fazer."

Ah, então é por altruísmo. Eu bem me parecia que era por uma boa razão. Mas, ainda assim, e sem querer incomodá-lo na sua inexorável batalha pelo bem-comum, não lhe parece um pouco paradoxal que os seus camaradas (presumo que ao serem uns 6 ou 7, sejam uns 90% do PNR), enquanto gritam palavras de ordem contra o crime, espanquem, mutilem e assassinem pessoas? Assim de repente, claro, parece-me ligeiramente paradoxal.

25 de novembro de 2009 às 16:35:00 WET  
Blogger Thor said...

e já agora, Caturo, também porque o Mário Machado já está preso há muito tempo, pelo que seria ridiculo estar agora a bater mais no ceguinho.

e, claro, quando algum nacionalista faz merda, é logo manchetes, noticias, etc
quando é ao contrário, ou não aparece nada, ou então são "jovens"

PS: quem é este brasileiro?

25 de novembro de 2009 às 16:59:00 WET  
Blogger Caturo said...

Tanto faz. Quem leu um, leu-os a todos.

25 de novembro de 2009 às 17:38:00 WET  
Blogger Caturo said...

"- porque mesmo que quisesse comentar esses crimes que refere, não teria tempo para tal, pois que há demasiada crimes bárbaros cometidos por não brancos que os seus donos e comparsas nos média não noticiam ou nem comentam e alguém tem de o fazer."

«Ah, então é por altruísmo.»

Não, é mesmo por egoísmo - o sagrado egoísmo da Estirpe. Porque em primeiro lugar estão os Nossos, e os crimes cometidos pelos outros contra os Nossos, na Nossa própria terra, são evidentemente mais dignos de atenção e repressão.



«Eu bem me parecia que era por uma boa razão.»

Deve ser a primeira vez em que acerta, embora pelo motivo errado, enfim.



«Mas, ainda assim, e sem querer incomodá-lo na sua inexorável batalha pelo bem-comum,»

Não se preocupe. Só um de nós é que está realmente incomodado e não sou eu.



«não lhe parece um pouco paradoxal que os seus camaradas (presumo que ao serem uns 6 ou 7, sejam uns 90% do PNR), enquanto gritam palavras de ordem contra o crime, espanquem, mutilem e assassinem pessoas?»

Parece-me é «estranho» que, num país de criminalidade crescente, você esteja preocupado com uns seis ou sete...

De resto, nessa marcha contra a criminalidade estiveram várias centenas de pessoas, talvez mil. Desses todos, contra que grupo de seis ou sete é que o senhor tem queixa na polícia? Apresente documentos...

25 de novembro de 2009 às 17:45:00 WET  
Blogger Thor said...

Luís, meia dúzia de arruaceiros e os actos que eles possam cometer, cometem-nos em seu nome pessoal. só se representam a eles mesmos. nunca representarão o nacionalismo a sério.

cuidado com generalizações idiotas.

arruaceiros e marginais há em todos os movimentos.
mas julgar o todo por uma meia-dúzia é idiota e desonesto, para não dizer mais.

25 de novembro de 2009 às 17:45:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

Luís Gaspar, este país está a ser invadido por hordas de escumalha alienígena, mas para você, o grande problema de Portugal é o Mário Machado que nunca matou ou mutilou alguém?

25 de novembro de 2009 às 17:51:00 WET  
Blogger Luis Gaspar said...

"Luís, meia dúzia de arruaceiros e os actos que eles possam cometer, cometem-nos em seu nome pessoal. só se representam a eles mesmos. nunca representarão o nacionalismo a sério."

Certo, mas queria "ouvir" o autor deste blog a afirmar isso mesmo. Queria vê-lo desvincular-se desses skinheads sem medo de ser perseguido depois. Todos nós sabemos como é que estas coisas funcionam.

25 de novembro de 2009 às 18:43:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

Este "Luis Gaspar" é do PCP ou do BE?

25 de novembro de 2009 às 19:27:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

Não sejas paranóico, Gaspar.

25 de novembro de 2009 às 19:36:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

Não interessa, a merda é a mesma, só muda o cheiro.

25 de novembro de 2009 às 20:31:00 WET  
Blogger Luís Gaspar said...

A omissão é uma acção. Você tem medo deles. Como o compreendo.

25 de novembro de 2009 às 23:14:00 WET  
Blogger Caturo said...

Faz mal em identificar-se comigo nesse sentimento. Porque de facto quem morre de medo deles, e de tudo o que escape ao controlo dos seus donos, é você, que pertence aquela laia de histéricos que se babam de cagaço de cada vez que um skinhead aparece sequer ao longe. E até têm razão para isso, porque o que o skinhead realmente representa para vocês não é a violência pura e simples, que isso a vocês não chateia nada, mas sim a oposição ideológica radical e incontornável. Devido à vossa própria natureza neo-cristã, inquisitorial, têm medo do Outro ideológico - e com razão, porque o crescimento do Nacionalismo representa categoricamente a vossa aniquilação política.
Não me meta pois no seu rol de temerosos. Alguém tão rastejante e tremeliqueiro como você não dá a mim lições de coragem, que nunca tive medo de na cara dos líderes dos «mauzões», incluindo Mário Machado, defendi posições que para eles são escandalosas.

26 de novembro de 2009 às 00:24:00 WET  
Blogger Caturo said...

«Certo, mas queria "ouvir" o autor deste blog a afirmar isso mesmo.»

Por acaso já o fiz - mas, ao contrário do que você quereria, não vou pôr de parte todo o movimento skinhead por causa de crimes cometidos a título individual e privado por alguns dos seus elementos, que, de resto, nem sequer os cometeram em nome de qualquer ideologia.
Proceder de modo contrário seria por exemplo como passar a atacar o seu partido, o PS, devido às alegadas ligações à pedofilia de que alguns dos seus militantes mais destacados foram acusados...

26 de novembro de 2009 às 00:29:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

O camarada Caturo é um grande nacionalista, só é pena que ainda ande iludido com os "eleitos como pseudo-amigos do ocidente.
Já esta posição dele já é um acto de coragem, apesar de não concordar.

26 de novembro de 2009 às 09:38:00 WET  
Blogger Thor said...

"só é pena que ainda ande iludido com os "eleitos como pseudo-amigos do ocidente."


exacto. concordo a 100%. e nem precisamos de dizer quem são os "eleitos".

26 de novembro de 2009 às 12:03:00 WET  
Blogger Luís Gaspar said...

"Não me meta pois no seu rol de temerosos. Alguém tão rastejante e tremeliqueiro como você não dá a mim lições de coragem, que nunca tive medo de na cara dos líderes dos «mauzões», incluindo Mário Machado, defendi posições que para eles são escandalosas."

Você é tão corajoso que nem lhe sabemos o nome... tem um blog anónimo, está sempre com medo dos negros e dos azuis que vêm aí, e já sei que vai dizer que o blog anónimo é para nós e não sei quem não o podermos prender e tal. Se tem coragem, meta aí uma foto e o seu nome.

26 de novembro de 2009 às 19:38:00 WET  
Blogger Luís Gaspar said...

"Proceder de modo contrário seria por exemplo como passar a atacar o seu partido, o PS, devido às alegadas ligações à pedofilia de que alguns dos seus militantes mais destacados foram acusados.."

Se há pedófilos no PS devem ser presos e devidamente punidos. Digo-o em praça pública, não escondo, porque, afinal, sou um democrata. Você é que é o corajoso, por isso esconde.

26 de novembro de 2009 às 19:41:00 WET  
Blogger Caturo said...

"Proceder de modo contrário seria por exemplo como passar a atacar o seu partido, o PS, devido às alegadas ligações à pedofilia de que alguns dos seus militantes mais destacados foram acusados.."

«Se há pedófilos no PS devem ser presos e devidamente punidos. Digo-o em praça pública,»

Também eu: se há criminosos no PNR, devem ser presos e devidamente punidos. Digo-o em praça pública, não escondo, porque, afinal, sou um democrata.

Claro que para si é fácil falar, porque afinal os seus amiguinhos do PS safaram-se todos em tribunal das acusações de pedofilia... assim é fácil «ser corajoso».

26 de novembro de 2009 às 20:01:00 WET  
Blogger Caturo said...

"Não me meta pois no seu rol de temerosos. Alguém tão rastejante e tremeliqueiro como você não dá a mim lições de coragem, que nunca tive medo de na cara dos líderes dos «mauzões», incluindo Mário Machado, defendi posições que para eles são escandalosas."

«Você é tão corajoso que nem lhe sabemos o nome...»

Por acaso muita gente sabe o meu nome, até já o escreveram aqui, e completo. Não o apaguei. E o seu, qual é?
Acresce que dou a cara em todas as manifestações do PNR, mesmo depois de a minha foto aparecer em foruns de antifas. Faça o mesmo.

«tem um blog anónimo, está sempre com medo dos negros e dos azuis»

Quem tem medo, mas dos skinheads, é você. Dos negros e azuis não tem medo, pudera, não vive ao pé deles.


«que vêm aí, e já sei que vai dizer que o blog anónimo é para nós e não sei quem não o podermos prender e tal»

Não. É para a escumalha do seu lado não poder fazer pela emboscada ou pela facada ou tiro à distância aquilo que você e afins não conseguem fazer através da argumentação.


«Se tem coragem, meta aí uma foto e o seu nome»

Isso, diz o cobarde escondido atrás das pernas dos donos e com a pistola apontada: «ora aparece lá em campo aberto à minha frente, aparece lá...».

26 de novembro de 2009 às 20:06:00 WET  
Blogger Luís Gaspar said...

"Por acaso muita gente sabe o meu nome, até já o escreveram aqui, e completo. Não o apaguei. E o seu, qual é?"

O meu? O meu nome? Se adivinhar dou-lhe 2 cêntimos. Eu sei que é difícil... daí o prémio compensar. Vamos lá ver. Está a ver umas letrinhas azuis claras em cima deste comentário? Antes da expressão "disse..."? Ao lado do logo do Blogger? Exacto! É isso! Você é rápido.

E como é que sabe que eu não moro perto de negros e azuis? Se calhar até tenho amigos negros. Tento não ter azuis, é chato olhá-los segunda de manhã depois de uma derrota no fim-de-semana, mas mesmo esses lá tem que ser...

26 de novembro de 2009 às 20:22:00 WET  
Blogger Caturo said...

Oh sim, isso é que é uma grande coragem, Luís Gaspar deve ser só você... provavelmente há na Internet muito mais gente que identifica o Caturo com a minha cara do que pessoal que sabe quem é essa eminência de gran coragem que diz chamar-se Luís Gaspar.

«E como é que sabe que eu não moro perto de negros e azuis?»

Se mora perto de negros e azuis criminosos e não se incomoda com isso, das duas uma, ou até gosta, ou então está feito com eles. É muito simples. Esquerdóides amigalhaços de criminosos de gangues é coisa que não falta nessas fileiras.

26 de novembro de 2009 às 20:50:00 WET  
Blogger Titan said...

"Se mora perto de negros e azuis criminosos e não se incomoda com isso, das duas uma, ou até gosta, ou então está feito com eles. É muito simples. Esquerdóides amigalhaços de criminosos de gangues é coisa que não falta nessas fileiras."


Bem dito, camarada Caturo.

26 de novembro de 2009 às 21:12:00 WET  
Blogger Luis Gaspar said...

"Oh sim, isso é que é uma grande coragem, Luís Gaspar deve ser só você... provavelmente há na Internet muito mais gente que identifica o Caturo com a minha cara do que pessoal que sabe quem é essa eminência de gran coragem que diz chamar-se Luís Gaspar."

Sou um homem simples, sem fama, de facto poucas pessoas me conhecem - apenas os meus amigos, diria. Mas assino com o meu nome. Você que é tão famoso, não tem coragem de assinar com nome.

26 de novembro de 2009 às 22:42:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

Grande camarada Caturo!
Nacionalistas! Portugal somos NÒS!

26 de novembro de 2009 às 23:30:00 WET  
Blogger Caturo said...

«Sou um homem simples, sem fama, de facto poucas pessoas me conhecem - apenas os meus amigos, diria.»

Então dizer o seu nome não é sinal de coragem absolutamente nenhum, ao contrário do que você está a querer fazer crer. A comparação da sua situação com a minha é por isso ridiculamente desonesta.



«Mas assino com o meu nome. Você que é tão famoso, não tem coragem de assinar com nome.»

Isso, diz o cobarde escondido atrás das pernas dos donos e com a pistola apontada: «ora aparece lá em campo aberto à minha frente, aparece lá...».

27 de novembro de 2009 às 10:23:00 WET  
Blogger Luis Gaspar said...

"A comparação da sua situação com a minha é por isso ridiculamente desonesta.!"

Mas você é famoso onde? Na sua aldeia?

28 de novembro de 2009 às 00:15:00 WET  
Blogger Caturo said...

A avaliar pelas suas próprias palavras, devo seguramente ser mais conhecido do que você, que, pelo que diz, nem na sua aldeia é conhecido.

28 de novembro de 2009 às 02:08:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

hahahaha...oh caucasóides!!!
Qual de vocês, historiadores e eruditos protestou quando Elizabeth Taylor interpretou Cleópatra?
Qual de vocês exigiu um ator oriundo do oriente médio para interpretar Jesus Cristo?
Realmente, a "lógica" de vocês é assustadora.

14 de maio de 2011 às 00:44:00 WEST  
Blogger Caturo said...

Qual foi o problema de Elizabeth Taylor interpretar o papel de Cleópatra, se esta, em vez de norte-africana, era na verdade de ascendência grega? Até o nome da «egípcia» era grego...

Quanto a Jesus, sim, seria provavelmente de aspecto mais semita, próximo-oriental, do que ocidental. Aliás, isso já aqui foi dito e até é bom que seja disseminado, para que o Europeu vá percebendo que de facto nunca teve nada a ver com o Judeu Crucificado. O Cristianismo é uma religião essencialmente alógena ao Ocidente e a cristianização da Europa constituiu a maior tragédia identitária da História europeia.

14 de maio de 2011 às 02:22:00 WEST  

Enviar um comentário

<< Home