quarta-feira, agosto 01, 2018

SUECA IMPEDIU DEPORTAÇÃO DE ALÓGENO... VIOLADOR



Na Suécia, uma jovem estudante conseguiu evitar a deportação de um afegão de cinquenta e dois anos quando fez birra e impediu que o avião levantasse voo, de maneira a salvar o alógeno. O alógeno tinha sido condenado por abuso sexual na Suécia...
*
Fonte: https://redice.tv/red-ice-tv/afghan-deportee-saved-by-a-little-swedish-girl-turned-out-to-be-violent-criminal

* * *

É mais um sinal daquilo que a elite político-culturalmente reinante faz à juventude - e à Europa. Nada pode ser mais simbólico do que um caso destes, que mostra bem qual é de facto o maior mal do Ocidente actual: o universalismo militante anti-racista que é hoje uma espécie de «religião» da elite, com o seu clero, os seus diáconos, os seus fiéis, dos quais constitui exemplo esta jovem escandinava, movida, não por simples ideias, sequer por raciocínios, mas sim por um sentimento genuíno, profundamente moldado pela Boa e Sã Doutrina da Santa Madre Igreja Anti-Racista e Multiculturalista dos Últimos Dias do Ocidente.

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Ha uma outra versao aqui:

http://pt.euronews.com/2018/08/02/ato-de-estudante-sueca-pode-nao-ter-sido-tao-heroico-como-pareceu

2 de agosto de 2018 às 19:23:00 WEST  

Publicar um comentário

<< Home