terça-feira, março 14, 2017

AUTORIDADES HINDUS DE BALI RECUSAM COBRIR ESTÁTUAS POR VISITA DO MONARCA SAUDITA


Bali defendeu nesta quarta-feira (8) a sua decisão de não cobrir as estátuas divinas e de mulheres semi-nuas durante as férias do rei da Arábia Saudita na única ilha de maioria hindu da Indonésia, o país muçulmano mais populoso do mundo.
O rei Salman bin Abdul Aziz vai passar uma semana de férias em Bali, depois de uma visita de Estado na capital Jacarta, primeira viagem de um monarca saudita à Indonésia em cerca de meio século.
As autoridades de Bali decidiram não mudar nada. "Vamos deixar as estátuas simplesmente como estão. Não vamos cobrir nada porque é a nossa cultura", declarou à AFP um porta-voz do governo local, Dewa Mahendra. Nem o rei nem o seu entorno fizeram pedidos para que as estátuas fossem cobertas, acrescentou.
Por ocasião do seu encontro com o presidente indonésio, Joko Widodo, num palácio de Bogor, nos arredores de Jacarta, algumas estátuas de personagens nuas foram cobertas e foram colocadas plantas ao redor em sinal de respeito ao monarca muçulmano.
*
Fonte: http://g1.globo.com/mundo/noticia/bali-nao-cobrira-estatuas-seminuas-durante-estadia-do-rei-da-arabia-saudita.ghtml

* * *

Estão de parabéns, estes hindus, por fazerem o óbvio. E é sintomático que tanta gente opte por esconder estátuas devido à visita de líderes muçulmanos, como aconteceu por exemplo em Itália aquando da visita do presidente iraniano. Aliás, se os muçulmanos nem sequer podem ver - ver, apenas, ver - estátuas de Divindades e de nudez, como será possível construir uma sociedade «multicultural» com a presença de muçulmanos?... Os dimiescos (de «dimi», não muçulmano submetido ao Islão) multiculturalistas bem podem esconder a nudez das estátuas mas esquecem-se que ao fazerem isso deixam a nu a contradição óbvia da sua posição «inclusivista»... é tal coisa, não se pode ter sol na eira e chuva no nabal, para taparem o sol como uma peneira deixam a nu o que mais querem ocultar.

3 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Mas que grande bronca,um intelectual muito respeitado na Holanda e imigrante vai votar na extrema-direita Holandesa !!

O escritor português que vive há mais de 60 anos na Holanda fala sobre as razões que o levam a apoiar o líder populista e as suas ideias sobre o Islão, a imigração e a UE

http://observador.pt/especiais/rentes-de-carvalho-vota-geert-wilders-e-explica-porque/

15 de março de 2017 às 09:30:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

San Javier, Uruguay, uma pequena localidade situada no Uruguai onde 90% da população é de origem Russa:

https://www.youtube.com/watch?v=d2fFBKO_5UU

15 de março de 2017 às 13:36:00 WET  
Anonymous Anónimo said...

Ha 200 mil menonitas na fronteira do paraguai com a bolivia

21 de março de 2017 às 21:43:00 WET  

Enviar um comentário

<< Home