segunda-feira, outubro 26, 2015

CANCELAMENTO DE CELEBRAÇÃO FOLCLÓRICA DE NOVEMBRO EM ALDEIA AUSTRÍACA PARA EVITAR CONFLITOS COM ALEGADOS REFUGIADOS



O grupo Krampus da Caríntia "Moorteufel Steindorf" cancelou a sua celebração planeada para 21 de Novembro, Martes, em Ossiach (distrito de Feldkirchen). Num comunicado publicado na página do Facebook da associação é dada como razão a impossibilidade de saber como é que os refugiados iriam reagir se vissem as máscaras que fazem parte do espectáculo (ver exemplos na imagem acima): «Uma vez que o centro de refugiados fica a apenas cinco minutos a pé do local, assumimos que, no caso de alguns dos seus habitantes estarem presentes (...) a questão foi durante meses polarizada (...) não vamos correr o risco de que haja incidentes e por isso não vamos entrar (...)» diz a notificação que foi enviada a todos os grupos participantes do clube de Krampus.
A associação manifestou também o receio de que alguns refugiados poderia haver quem procurasse confronto...
*
Fonte: http://m.kurier.at/chronik/oesterreich/fluechtlinge-kaerntner-brauchtumsverein-sagt-krampuslauf-ab/159.631.813

* * *

Este empobrecimento cultural deprimente evitava-se bem se os refugiados estivessem confinados num espaço destinado a tal função, uma vez que, afinal de contas, a vinda maciça de alógenos do terceiro mundo está mesmo a alterar a vida dos autóctones europeus... 
Evidentemente que num regime saudável não haveria qualquer sombra de dúvida de que a salvaguarda de fosse que tradição europeia fosse localizar-se-ia na escala dos valores anos luz acima da liberdade de circulação de não europeus em solo europeu.