sexta-feira, agosto 07, 2015

JOVEM CIGANA DO REINO UNIDO TEM DOS QUOCIENTES DE INTELIGÊNCIA MAIS ELEVADOS QUE SE CONHECEM



Uma menina inglesa de etnia cigana alcançou um quociente de inteligência de 162 pontos, um valor mais elevado que o estimado para génios como Albert Einstein e Stephen Hawking (cerca de 160). 
Nicole Barr, 12 anos, obteve o resultado num teste de admissão à Mensa, uma sociedade internacional de acesso reservado a indivíduos altamente inteligentes.
Desde cedo que Nicole se destacava dos colegas de escola, encontrando erros nos manuais e aprendendo sozinha matéria de anos mais avançados.
A menina, que quer ser pediatra, ficou “chocada” quando recebeu o resultado do exame, disse citada pelo site Inquisitr.
James, o pai, que tal como a mãe e os professores de Nicole descrevem a criança como uma menina “feliz” e “brincalhona”, considera o resultado um motivo de orgulho para a comunidade cigana inglesa: “É bom sermos notícia por um bom motivo, para variar”. O pai diz ainda que é uma prova de que “qualquer pessoa pode ser academicamente brilhante” independentemente das origens sociais.
O QI médio de um adulto é de 100. Um indivíduo com um QI superior a 120 é considerado brilhante, enquanto um valor acima dos 140 coloca-o no patamar da genialidade. Valores acima dos 150 são extremamente raros.
Existem vários testes de aferição do QI, sendo o mais popular o de Stanford-Binet. O conceito de quociente de inteligência tem no entanto vários críticos entra a comunidade científica, apesar de continuar a ser utilizado por psicólogos, educadores e até empregadores. 
*
Fonte: http://sol.pt/noticia/405748/Menina-cigana-de-12-anos-tem-QI-mais-elevado-que-Einstein-e-Hawking

* * *

Curioso, o título da notícia na imprensa, pelo menos no «Sol»: «Menina cigana tem QI mais elevado que Einstein e Hawking»... isto dito assim até parece discriminação étnica, mas neste caso não é pecado...
A rapariga, notoriamente caucasóide - de ar britânico, até - constitui mais um testemunho de que a endogamia, prática típica dos ciganos que é menosprezada (quando não repudiada) quando diz respeito aos brancos europeus, pode produzir níveis intelectuais dos mais elevados...

10 Comments:

Blogger R. Vilhena said...

Este comentário foi removido pelo autor.

7 de agosto de 2015 às 15:49:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

IE nos balcas:

http://br.sputniknews.com/mundo/20150807/1794893.html

7 de agosto de 2015 às 18:11:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

O título «Menina cigana tem QI mais elevado que Einstein e Hawking» foi mal traduzido pela imprensa portuguesa, dado que se trata de uma menina traveller e não de uma menina cigana, pelo menos no sentido étnico que nós, portugueses, damos à palavra cigano.

Os chamados travellers, quer vivam hoje na Irlanda, Escócia, Inglaterra, País de Gales ou EUA, são todos eles oriundos dos Irish Travellers. Geneticamente, os travellers (ou gypsies) nada têm a ver com os roma - designados por ciganos ou gitanos na Península Ibérica.

De facto, aqueles a quem nós chamamos ciganos têm a sua origem no norte da Índia e, embora com excepções, identificam-se por um fenótipo típico de tez morena e cabelos e olhos escuros. Ao contrário, os travellers são maioritariamente aloirados e de pele e olhos claros, à semelhança dos seus irmãos de sangue irlandeses.

Quanto ao seu antigo estilo de vida, os travellers eram realmente muito semelhantes aos antigos ciganos, quer no que respeita ao facto de serem nómadas, quer no que respeita às profissões de que se ocupavam. No fundo, na sua origem os travellers eram irlandeses muito pobres e iletrados que se deslocavam de terra em terra à procura de ganhar a vida. Dado terem uma total identidade genética com os irlandeses, é por razões quase exclusivamente culturais e não raciais, que os travellers são considerados um grupo minoritário na Irlanda e nos restantes países de língua inglesa.

Na sua essência, os travellers não são endogâmicos como os ciganos nem pseudo-endogâmicos como os judeus ashkenazis. No entanto, dado que as populações socialmente enquadradas normalmente evitam relacionar-se com este tipo de "marginais", não é muito comum o casamento entre travellers e os outros.

7 de agosto de 2015 às 19:17:00 WEST  
Anonymous Ibero said...


Caturo suspeito que a menina do artigo seja uma Irish Traveller que são um gupo étnico da Irlanda e que não tem nada a ver com os ciganos que temos em Portugal que são Romanis originários da India.
Os Irish travellers são aparentados com os irlandeses e portanto são caucasianos no entanto por vezes também são chamados de ciganos.

Aqui seguem dois links em inglês sobre eles,

link 1:
https://en.wikipedia.org/wiki/Irish_Travellers#Population_genetics

link 2:
http://www.travellermovement.org.uk/

Cuidado com as rasteiras.



7 de agosto de 2015 às 21:21:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

Segundo uma lista recentemente publicada pela revista Time, o Imperador César Augusto tinha uma riqueza pessoal de 4.6 triliões de dólares, o que faz dele o segundo homem mais rico da História. De acordo com a lista, o homem que ocupa o primeiro lugar é um rei africano cujo o valor concreto da fortuna não é mencionado...


http://time.com/money/3977798/the-10-richest-people-of-all-time/?xid=newsletter-brief

7 de agosto de 2015 às 22:20:00 WEST  
Blogger Caturo said...

Muitíssimo obrigado, Anónimo das 19:17 e Ibero, de facto assim as coisas fazem outro sentido.

7 de agosto de 2015 às 23:13:00 WEST  
Blogger Caturo said...

«o homem que ocupa o primeiro lugar é um rei africano cujo o valor concreto da fortuna não é mencionado...»

Quem diria, o continente que é de longe o mais miserável seria também aquele em que se encontraria o indivíduo mais rico da História conhecida...

7 de agosto de 2015 às 23:15:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

"Quem diria, o continente que é de longe o mais miserável seria também aquele em que se encontraria o indivíduo mais rico da História conhecida..."


Mas eles não dão um valor concreto da sua riqueza ( e a desculpa para essa omissão não convence). Quase que dá a parecer que só o puseram em primeiro lugar porque era negro (pelo menos parcialmente)...

7 de agosto de 2015 às 23:27:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

Sim, os Travellers são irlandeses:


http://www.theapricity.com/forum/showthread.php?7929-The-origins-of-the-Irish-Travellers-and-the-genetic-structure-of-Ireland



«5. Conclusion

Judging from the .R-matrix analyses, the Travellers are undoubtedly of Irish ancestry»

7 de agosto de 2015 às 23:36:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

como é cigana tudo bem, é uma excepção a regra de um povo problematico e toca a anunciar.
Se fossem negros igual, agora se fosse mais um branco europeu, ai ja nao se falava da raça claro.

8 de agosto de 2015 às 16:07:00 WEST  

Enviar um comentário

<< Home