sexta-feira, setembro 24, 2010

CRIANÇA RETIRADA AOS PAIS PELO ESTADO FINLANDÊS

Página Facebook do dia:
um apelo à solidariedade e denúncia de um caso que se arrasta na Finlândia desde três de Agosto do corrente ano, quando Ariadne Methymnaia Augustos, de quatro anos e quatro meses, foi retirada aos pais por uma equipa de assistentes sociais, segundo os quais os respectivos pais legítimos da criança não queriam saber dela, baseados em factos obscuros e «alegações anónimas».

A sua mãe, Perseia Hekate, de origem grega, é sacerdotisa pagã e conhecida astróloga, especialista no ramo, tendo já apresentado o seu trabalho sobre o tema na televisão no programa de um matemático e editor (duas vezes galardoado pela sociedade matemética pelos seus trabalhos em matemática grega antiga). Coopera com vários astrólogos norte-americanos e tem sido contactada por várias universidades. É fluente em língua helénica do período alexandrino e lidera em parte o movimento da escrita politónica helénico.

A criança, por seu turno, tem tido um desenvolvimento cognitivo e comportamental excelente, destancando-se entre as outras nos testes que lhe ministraram na creche. Acresce que é bilingue, expressando-se bem em ambas as línguas, Grego e Finlandês. A instituição estatal que agora a tem à sua tutela é acusada pela mãe de desencorajar a menina quando esta fala em Grego...

12 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Ah, mas se fosse uma musla a ensinar os cândidos versos do corão que incitam a matar infiéis e a mesma só grunhisse em árabe ou urdu, aí não, aí talvez até ganhasse um subsidiozinho estatal...

24 de setembro de 2010 às 15:10:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

não entendi nada..os finlandeses odeiam os gregos?

24 de setembro de 2010 às 16:07:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

Anónimo disse...
Ah, mas se fosse uma musla a ensinar os cândidos versos do corão que incitam a matar infiéis e a mesma só grunhisse em árabe ou urdu, aí não, aí talvez até ganhasse um subsidiozinho estatal...

24 de Setembro de 2010 15h10min00s WEST

pois, discriminar gregos pode, mas extra-europeus jamais mesmo..hehe

24 de setembro de 2010 às 16:07:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

http://www.bibliotecapleyades.net/ciencia/ciencia_basques03.htm

para o leitor do Brasil.

24 de setembro de 2010 às 17:09:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

O finlandeses?Agora estranhei.

25 de setembro de 2010 às 01:52:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

para o leitor do Brasil.

24 de Setembro de 2010 17h09min00s WEST

qual deles?

25 de setembro de 2010 às 03:59:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

origem no ne da espanha e so da frança primos dos iberos e não no norte da iberia..

25 de setembro de 2010 às 04:01:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

mas por que o teu interesse acerca dos bascos anonimo tuga?

25 de setembro de 2010 às 04:02:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

eu proprio ja tive muito mais interesse por eles, por que são o mais interessante grupo da europa ocidental..o unico pre-aria que conseguiu resistir a maré arianizante..

25 de setembro de 2010 às 04:02:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

o fator rh negativo deles tambem é outra coisa interessante..deve ate ter facilitado a preservação diantes das etnias invasoras..

25 de setembro de 2010 às 04:03:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

*diante

25 de setembro de 2010 às 04:04:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

O finlandeses?Agora estranhei.

ibidem

25 de setembro de 2010 às 23:18:00 WEST  

Publicar um comentário

<< Home