terça-feira, dezembro 20, 2016

HOMICIDA MUÇULMANO DE EMBAIXADOR RUSSO EM ANCARA SERIA DA POLÍCIA

Segundo a imprensa turca, o agressor do Embaixador russo na Turquia seria polícia. A imprensa turca divulgou a foto de uma identidade policial, que teria sido usada pelo agressor do Embaixador da Rússia na Turquia. O nome do agressor, segundo a imprensa, seria Mevlut Mert Altıntas. Ele era polícia em Ancara e teria 22 anos. No entanto, a informação ainda não recebeu confirmação oficial e outras fontes levantam a possibilidade de a identidade ser falsa.
Mais cedo o ministério das Relações Exteriores da Rússia confirmou a morte do Embaixador russo em Ancara, Andrei Karlov. Nesta segunda-feira a imprensa turca informou sobre um ataque armado realizado contra o Embaixador da Rússia em Ancara, Andrei Karlov. O diplomata estava a discursar durante a abertura de uma exposição numa galeria de arte local. Segundo as testemunhas, o terrorista, vestido de terno e gravata, entrou na sala e foi confundido com um segurança do Embaixador. O assassino de Andrei Karlov morreu durante o confronto com a polícia. A segurança da embaixada da Rússia em Ancara foi reforçada. O presidente da câmara de Ancara, Melih Gokçek, declarou que o assassinato de Karlov foi uma tentativa estragar as relações entre a Rússia e a Turquia.
*
Fonte: https://br.sputniknews.com/oriente_medio_africa/201612197217828-assassino-embaixador-russo-ancara-policial/

* * *

Na melhor das hipóteses, foi um grave falhanço turco... quem diria que as forças de segurança de um país muçulmano moderado e civilizadíssimo e europeíssimo e tal, habituado a lidar de muito perto com radicais islâmicos, haviam de cometer um erro destes... e ter um destes radicais islâmicos tão bem infiltrado, isto é, integrado - objectivamente falando, estava integrado - nas ditas forças de segurança...




1 Comments:

Blogger CENSURADO AGAIN said...

A TURQUIA FALHA MUITO VEJA OS ATENTADOS QUE ELES ENCOBREM OS OUTROS

20 de dezembro de 2016 às 15:42:00 WET  

Enviar um comentário

<< Home