terça-feira, julho 26, 2011

SUPREMA AUTORIDADE ESPIRITUAL MUÇULMANA DA RÚSSIA DIZ «FALEM MENOS DO TERRORISMO (QUE POR ACASO É PRATICAMENTE TODO MUÇULMANO) E SAQUEM MAS É DINHEIRO AO POVO PARA FAZERMOS MAIS, HÃ, TEMPLOS...»

Na Rússia, o mufti ou suprema autoridade muçulmana para todo o espaço russo (CEI), Talgat Tadzhuddin, declarou, num encontro com o primeiro-ministro russo Vladimir Putin, que os canais televisivos deveriam emitir menos notícias sobre terrorismo e extremismo. Diz ele que «sempre que uma explosão ocorre algures, é discutida a toda a hora durante pelo menos dois dias.» Sugeriu por isso que os média deviam prestar mais atenção «ao estilo de vida dos Povos russos, às suas tradições e crenças

Exacto - e se todos os Povos fossem assim estudados pelos média, estes iriam divulgar a «beleza exótica» de várias gentes muçulmanas que habitam a CEI...

Será que o incómodo do senhor se deve ao facto de os tais terrorismos e extremismos violentos serem, invariavelmente, derivados do credo de Mafoma?...

Em Fevereiro, o mufti tinha proposto o estabelecimento de um «imposto espiritual», que iria angariar dinheiro para construir novas mesquitas e catedrais.
Pudera - também era lata a mais que o líder espiritual da muslaria viesse agora dizer que quer obrigar os Povos da Rússia a pagar a construção de mesquitas, só de mesquitas, não é coisa que se diga, ou pelo menos não é coisa que se diga agora, enquanto os muçulmanos ainda são minoritários.

O mufti acha que o imposto deveria ser pago por todos os residentes na Basquíria, independentemente da sua religião - pois claro, só interessa o Islão, e pronto, também a religião do infiel que ainda manda naquilo... o que poderá mudar até 2050, data em que segundo os analistas os muçulmanos poderão constituir a maioria da população «russa»...

Abril sugeriu que fosse adicionado o crescente islâmico ao emblema nacional da Rússia, como este blogue noticiou.

9 Comments:

Anonymous Anónimo said...

deportação

26 de julho de 2011 às 12:50:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

muslos filhosdaputa:

The Reliance of the Traveller ---'classic manual of islamic sacred law'

26 de julho de 2011 às 12:52:00 WEST  
Anonymous F. Malinowski said...

http://www.youtube.com/watch?v=Jmy4ynE1TKQ&feature=related


Man, I came here to tell you just how nice my city used to be... it seems like it was a hell of a long time ago!...
I´m living in Mass. now, and Boston became literally submerged by Caribbean blacks, from Jamaica, Haiti, and other islands. As soon as they get here, they begin to demand all sorts of benefits from the american government, - the infamous "Welfare Program" - and many of them don´t have a regular job, so it means they rely heavily on governmental help to live; that´s something that unfortunately hasn´t change since the 80´s so-called "reaganomics". America is their effortlessly-achieved-and-highly -profitable "Eldorado". And what´s bothering me most is the fact that born Americans somehow get neglected due to this unfair scenario.
Besides, this people think they can do whatever they please here, in this country: crime rate has really climbed since the arrival of new immigrants from the Caribbean Islands; in fact, there are several police reports revealing the existence of "posses", like the ones from Jamaica, with its horrid violence linked to drugs traffic. Roxbury, for example, evolved into a particularly problematic neighbourhood, - it´s no longer a municipality, for it got dissolved by a brand new urban legislation which splited it into smaller places - because most locals have low incomes, and around the 50´s there was still a relatively high birth rate, particularly among black Americans, ageing and ruined households monoparental families, and a lot of bad stuff in it. Since, let´s say, the 60´s, the white population of Roxbury started to decline and most of them had moved to the suburbs, in an extent that the city´s core, the downtown, is predominantely non-white,(not just blacks; in recent years, a growing Cambodian, as well as Puerto - Rican, communities had become a fact) while the suburbia is almost entirely white. I dont´t know much about life in Europe, but I´ve been reading some European on-line papers and I´m really curious about these matters. Of course "Translator" is being tremendously useful, sometimes... By the way, I´m a true lover of all aspects of European culture, and I´ve already visited the Old Continent: I spent such a great time in Greece, 15 years ago; it helped me absorb somehow a scent of past History, all its true spirit, indeed! Perhaps I´ll return, for it was an enrichening and mind -blowing experience.
Nuff said now! Greetings from the U.S.

26 de julho de 2011 às 13:28:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

estrangeiros em toda a parte

«The visiting Deputy Speaker of the Norwegian Parliament, Haq Nawaz Akhtar»


por causa desse há um norueguês desempregado

26 de julho de 2011 às 13:37:00 WEST  
Blogger Caturo said...

Bem, aqui é mais ou menos assim nas áreas onde há mais negros... coincidências...

26 de julho de 2011 às 16:54:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

Fui ao Avaaz.org e votei pelo reconhecimento do Estado Palestiniano. Já são quase quinhentos mil votantes, entre os quais milhares de brasileiros.

26 de julho de 2011 às 17:41:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

Anónimo disse...
Fui ao Avaaz.org e votei pelo reconhecimento do Estado Palestiniano. Já são quase quinhentos mil votantes, entre os quais milhares de brasileiros.

26 de Julho de 2011 17h41min00s WEST


os muslos invadiram a peninsula ibérica! que se fodam!

26 de julho de 2011 às 20:03:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

Anónimo disse...
Fui ao Avaaz.org e votei pelo reconhecimento do Estado Palestiniano. Já são quase quinhentos mil votantes, entre os quais milhares de brasileiros.

26 de Julho de 2011 17h41min00s WEST

devem ser brasucas muslos.

26 de julho de 2011 às 20:04:00 WEST  
Blogger FireHead said...

Não sei, não. Se há coisa que eu invejo de povos como os russos ou os chineses é o facto deles não terem problemas nenhuns em limpar o sebo aos muçulmanos. Algo me diz que os russos não vão permitir a islamização do seu país; pelo contrário, até são bem capazes de exterminar as populações do Daguestão, Chechénia e companhia.

26 de julho de 2011 às 22:19:00 WEST  

Enviar um comentário

<< Home