domingo, agosto 07, 2016

TERRORISTAS DE PARIS E BRUXELAS RECEBERAM MEIA CENTENA DE MILHARES DE EUROS DO ESTADO BELGA

Cinco dos terroristas envolvidos nos recentes ataques em França e na Bélgica receberam cerca de 50 mil euros em subsídios da Segurança Social, de acordo com a investigação belga.
O Wall Street Journal salienta que o Estado belga acabou por ajudar, sem querer, a financiar os terroristas que mataram quase 200 pessoas, em atentados terroristas em Paris e em Bruxelas.
Cinco dos elementos envolvidos nestes ataques terão recebido subsídios da Segurança Social belga num total de 50 mil euros. Os pagamentos terão sido feitos até cerca de três semanas antes de os atentados terem sido cometidos.
O jornal refere o caso concreto de Salah Abdeslam, envolvido no ataque em Paris, que fez mais de 150 vítimas, nomeadamente na sala de espectáculos Bataclan, considerando que ele nem sequer tinha direito a qualquer apoio social porque tinha um emprego como gerente de um bar, em Bruxelas, do qual terá até sido co-proprietário.
“A assistência social deu-lhes os meios de sobrevivência, o que se tornou um meio de apoio indirecto a actividades terroristas“, considera o director do Departamento da Inteligência Financeira, Philippe de Koster, citado pelo Wall Street Journal.
Os terroristas citados nesta investigação estiveram envolvidos nos ataques em Paris, a 13 de Novembro de 2015, onde morreram mais de 150 pessoas, e nos atentados em Bruxelas, a 22 de Março deste ano, que causaram 32 mortes.
*
Agradecimentos a quem aqui trouxe esta notícia: http://zap.aeiou.pt/terroristas-de-paris-e-bruxelas-receberam-50-mil-euros-em-subsidios-do-estado-belga-124051

* * *

Por estas e por outras é que a hoste que odeia os Europeus (seja qual for o pretexto da treta invocado) nunca mais se vai embora da Europa... Não faz cá falta nenhuma, só traz desgraça, queixa-se da discriminação e do «racismo!!!!», mas ir embora daqui para fora 'tá quieto... e, da parte das autoridades europeias, continua o laxismo e a falta de vigilância sobre quem anda a receber dinheiro dos impostos pagos pelos autóctones da Europa.

1 Comments:

Blogger João José Horta Nobre said...

«e, da parte das autoridades europeias, continua o laxismo e a falta de vigilância sobre quem anda a receber dinheiro dos impostos pagos pelos autóctones da Europa.»

Não é "falta de vigilância", nem "laxismo" nenhum. É propositado! As elites cosmopolitas sabem perfeitamente bem que isso tudo acontece, aliás, todos os subsídios que essa gente alógena anda a mamar a rodos, foram propositadamente engenhados pela Superclasse Mundialista, de forma a acelerar as migrações em massa para dentro da Europa, a consequente destruição das identidades nacionais e das nações e por fim, a construção de um governo mundial totalitário.

Isto foi tudo planeado de antemão, penso que é mais do que óbvio...

7 de agosto de 2016 às 22:22:00 WEST  

Enviar um comentário

<< Home