quarta-feira, junho 01, 2016

PELA PRIMEIRA VEZ DESDE HÁ QUASE UM MILÉNIO LEVANTA-SE UM TEMPLO A ODIN E OUTROS DEUSES NACIONAIS




Foi finalmente inaugurado o primeiro templo de Odin desde a cristianização da Escandinávia, processo forçado que teve lugar entre o oitavo e o décimo segundo século. O ano 1188 marcou a imposição final do Cristianismo na Dinamarca com a canonização de S. Canuto (Sankt Knud), «santo» padroeiro deste país. Desde então, os cultos aos Deuses Nacionais dos Nórdicos foram suprimidos. Todavia, com a queda da autoridade cristã sobre o Ocidente, retorna o culto a estas Divindades e agora surge um novo templo dedicado à maior delas, Odin, Deus da Sabedoria, da Magia e da morte bélica, dos Laços e dos Enforcados, acompanhado por dois lobos (Geri e Freki) e dois corvos (Hugin e Munin, Pensamento e Memória), cavalgando o cavalo de oito patas (Sleipnir - possível metáfora do caixão, porque oito patas são quatro pares de pernas, as dos que transportam o caixão), pai das Valquírias, senhor do Valhalla, que é o palácio dos mortos em combate. 
Só é pena que ao «Alfödr» («Pai de Todos», outro dos muitos nomes de Odin) tenham sido sacrificados nove galos... os cadáveres foram pendurados na árvore de oferendas, tal como descrito no texto de Adam de Bremen quando este visitou o templo pagão de Uppsala (na Suécia) e por Thietmar de Merseburg emn Lejre (Dinamarca). Enfim, a carne foi também consumida pelos participantes. 
Quando os participantes entraram pelo canto norte do templo ou Odins Hof (Valheim), ouviu-se três vezes o trovão, facto que foi considerado bom augúrio. 
O templo tem doze metros de altura e cem metros quadrados. Vários ministros dinamarqueses compareceram e o líder do Parlamento Dinamarquês cortou a fita inaugural. 
*
Fonte: http://spangenhelm.com/valheim-hof-denmark-dedicated-odin-gods/

* * *

Sic itur ad astra, é assim que a Europa retorna cada vez mais a si própria, processo que provavelmente continuará a seguir o seu actual curso, pelo menos enquanto a terra europeia for maioritariamente povoada por Europeus.





3 Comments:

Anonymous Carlos said...

Muito bonito! Mas, dentro de duas décadas, os muçulmanos vão reduzir a pó esse Templo e as antigas religiões.

2 de junho de 2016 às 13:21:00 WEST  
Blogger SHTF and Preparation said...

E você preocupado com galos...

2 de junho de 2016 às 18:52:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

http://pt.euronews.com/2016/06/02/grecia-dezenas-de-refugiados-feridos-em-confrontos-em-centros-de-detencao/

3 de junho de 2016 às 00:29:00 WEST  

Enviar um comentário

<< Home