terça-feira, maio 31, 2016

SEMANÁRIO «DIABO» DE 31 DE MAIO DE 2016


A abordagem de Manuel Silveira da Cunha não será a mais indicada - em vez de discutir o que está em cima da mesa, parte para o julgamento de intenção, que é sempre ou um desvio de conversa ou pelo menos um tiro ligeiramente ao lado. O que está em causa é o favorecimento de um credo alógeno num Estado laico - um atropelo do suposto Estado laico e, antes disso, mas especificamente na perspectiva nacionalista, o apoio a uma religião de todo estrangeira e formalmente inimiga das liberdades europeias.

1 Comments:

Blogger João José Horta Nobre said...

Este comentário foi removido pelo autor.

1 de junho de 2016 às 01:39:00 WEST  

Enviar um comentário

<< Home