segunda-feira, junho 05, 2017

MORTE DE BONIFÁCIO, O APÓSTOLO DOS GERMANOS

Bonifácio (em latim: Bonifacius - "aquele que faz o bem";ca. 672 — 5 de Junho de 754 ou 755), de seu nome verdadeiro Vinfrido (Wynfrith ou Winfrid; com o mesmo significado em Anglo-Saxão), e cognominado Apóstolo dos Germanos.
(...)
Um acontecimento-chave da sua vida ocorreu em 723, quando derrubou o carvalho sagrado dedicado ao deus Thor, perto da moderna cidade de Fritzlar, no norte do Hesse, e construiu uma pequena capela a partir da sua madeira, no local onde hoje se ergue a catedral de Fritzlar, e onde se viria a estabelecer a primeira sede de bispado na Alemanha ao norte do antigo limes romano, junto do povoado fortificado franco de Buraburgo, numa montanha próxima da cidade, junto do rio Éder. Este acontecimento é considerado como o início formal da cristianização da Germânia.
(...)
Bonifácio jamais perdeu a esperança de converter os Frísios, e em 754 retomou à Frísia com um pequeno grupo de seguidores. Baptizou um grande número de pagãos, e marcou um encontro para a confirmação dos novos baptizados num local perto de Dokkum, entre Franeker e Groninga. Contudo, em vez dos seus convertidos, um bando de pagãos armados apareceu e assassinou o arcebispo Bonifácio. Os seus restos mortais viriam a ser enterrados na abadia de Fulda (atualCatedral de Fulda).
São Bonifácio foi declarado santo e mártir pelas Igrejas Católica Romana e Ortodoxa Oriental, sendo celebrado a 5 de Junho, data da sua morte.
*
Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Bonif%C3%A1cio_de_Mog%C3%BAncia

Como morreu ele?

Consta que Bonifácio persuadiu os seus companheiros armados a baixar as suas armas: «Parem de lutar. Baixem as vossas armas, porque nos dizem nas escrituras a não render o o bem ao mal mas sim a vencer o mal com o bem.»
(https://en.wikipedia.org/wiki/Saint_Boniface#Last_mission_to_Frisia)

Veneno puro em toda a linha para a alma europeia - desenraizamento etno-espiritual e pacifismo suicida.