terça-feira, setembro 17, 2019

LÍDER NACIONALISTA CATALÃO REAFIRMA O VALOR DA INDEPENDÊNCIA NACIONAL COM BASE NUMA VISÃO ETNO-DEMOCRÁTICA DA EUROPA


Em entrevista à Sputnik Itália, o político catalão Carles Puigdemont falou sobre as relações entre Madrid e Barcelona, qualificando a independência da sua região como a última alternativa dos Catalães.
Em 2017, o presidente da Generalitat da Catalunha, Carles Puigdemont, tornou-se foco das notícias internacionais ao liderar um movimento que buscava a independência da Catalunha em relação a Espanha. O movimento fracassou e posteriormente Puigdemont foi viver na Bélgica.
Parlamento Europeu
Ainda neste ano, o catalão foi eleito para ocupar cadeira no Parlamento Europeu. No entanto, por não ter passado por uma cerimónia de posse em Espanha, Puigdemont ficou impedido de assumir o seu novo cargo no Parlamento Europeu. Segundo ele, a cerimónia envolveria um juramento à Constituição da Espanha, acto que Puigdemont se recusa fazer.
Vozes nacionais
Em entrevista exclusiva à Sputnik Itália, Puigdemont comentou os últimos episódios da sua carreira política e a sua visão sobre a Catalunha como nação europeia. Para o catalão, a Europa deve dar maior atenção às demandas dos diferentes grupos étnicos no continente:
"A nossa Europa é uma Europa na qual a voz do povo é mais importante do que qualquer outra coisa. A Catalunha é uma das mais antigas nações da Europa. O nosso parlamento, os nossos institutos e a nossa Constituição têm raízes na Idade Média, e tudo isto perdemos em 1714, quando os Bourbons instalaram a monarquia espanhola no nosso país. Antes disso, a Catalunha tinha sido uma nação em todos os aspectos. Continuámos a ser uma nação e, se o povo o exigir, temos o direito à independência", disse Puigdemont.
O político também ressaltou a importância de ouvir as vozes das nações como um dos aspectos da democracia. Puigdemont vê a Catalunha inserida no espaço europeu, mas livre da autoridade de Madrid. Para ele, a independência catalã foi a última opção dos catalães.
"A independência tornou-se na nossa última alternativa depois de 30 anos, durante os quais propusemos todas as formas possíveis de resolver as nossas diferenças através do diálogo com Espanha [...] Tentámos todos os meios, mas sempre recebemos um não como resposta", comentou o político.
Puigdemont chamou fake news às afirmações que diziam que a Catalunha iria proibir o ensino do Castelhano nas suas escolas.
Questionado se é um líder populista, Puigdemont negou, mas disse defender as necessidades do Povo Catalão como Nação. Ao mesmo tempo, não associa a sua visão política como sendo estritamente de Direita ou de Esquerda. "A Catalunha é apoiada por europeístas, tanto de Direita como de Esquerda", disse ele.
Rússia
Embora as relações entre a Rússia e países europeus tenham sido marcadas por suspeitas e sanções contra Moscovo, Puigdemont critica as medidas contra a Rússia.
"Parece-me absurdo que hoje tenhamos mais problemas com a Rússia do que na era soviética [...] Já se passaram anos desde a introdução das sanções e, como vemos, levaram-nos a este resultado", disse o líder catalão.
*
Fonte: https://br.sputniknews.com/europa/2019091514519603-independencia-se-tornou-nossa-ultima-alternativa-disse-puigdemont-a-sputnik/

* * *

Mais brilhante que nunca está Puigdemont - com ou sem sucesso prático actual, o que diz constitui o cerne do Nacionalismo democrático. Comento só que a independência não é um direito «se o povo» a exigir, é um direito, simplesmente, quer o povo dele tenha consciência ou não. O seu trabalho foi de qualquer forma meritório e actualmente a maioria da população catalã vota em partidos que querem a independência nacional da Catalunha.
Sic itur ad astra, este é o verdadeiro caminho para a Europa das Nações.

10 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Numa cidade multiculturalista:

https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/dupla-encapuzada-assalta-hotel-a-mao-armada-no-centro-de-lisboa-suspeitos-estao-em-fuga

17 de setembro de 2019 às 22:54:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

Isto está bonito:

https://fullcirclecinema.com/2019/09/12/marvel-studios-professor-x-magneto-poc/

https://www.syfy.com/syfywire/dwayne-johnson-gives-a-doc-savage-movie-update

17 de setembro de 2019 às 23:17:00 WEST  
Blogger Caturo said...

Que engraçado, isso já não é «apropriação cultural»...

Curiosamente, nunca se dão papéis desses a chineses, ou a indianos - e, se todo o bom esquerdista e/ou anti-racista é um «cidadão do mundo», tem de levar em linha de conta que a maior parte da população mundial é asiática. Só na Índia há mais gente que em toda a África negra, pelo menos por enquanto. A China ainda tem mais gente que a Índia e por lá tudo é amarelito, embora em diferentes tons e origens. Porque será que nos ecrãs só aparecem ou brancos (como é natural em países de brancos...) ou negros... logo aí se topa o primarismo emocional da patrulha ideológica antirra, um veneno de merda que um dia desaparecerá, de uma maneira ou de outra.

18 de setembro de 2019 às 02:32:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

Nem mais, Caturo.

18 de setembro de 2019 às 08:35:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

https://observador.pt/2019/09/18/mp-considera-que-comentario-sobre-abate-de-ciganos-nao-e-crime-e-apenas-deselegante-e-rude/

18 de setembro de 2019 às 23:05:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

https://www.dailymail.co.uk/news/article-7341273/Immigration-advocate-killed-crash-Salvadoran-living-illegally.html

18 de setembro de 2019 às 23:08:00 WEST  
Anonymous Anónimo said...

https://pbs.twimg.com/media/ED99WKoU8AAyL0l.jpg

https://pbs.twimg.com/media/ED99Za3UYAAcU-X.jpg

https://pbs.twimg.com/media/ED99Z-oUEAAXeAe.jpg

18 de setembro de 2019 às 23:22:00 WEST  
Blogger Caturo said...

Que novidade, o esquerdalhame me(r)diático arranjar uma série de alegada comédia para deitar abaixo um pecador excomungado pelo clero anti-racista...

18 de setembro de 2019 às 23:52:00 WEST  
Blogger Caturo said...

«https://www.dailymail.co.uk/news/article-7341273/Immigration-advocate-killed-crash-Salvadoran-living-illegally.html»

Vá lá, desta vez não morreu nenhum branco inocente...

19 de setembro de 2019 às 01:32:00 WEST  
Blogger Caturo said...

«https://observador.pt/2019/09/18/mp-considera-que-comentario-sobre-abate-de-ciganos-nao-e-crime-e-apenas-deselegante-e-rude/»

Notável, um operador de Justiça que não é diácono do anti-racismo militante e sabe portanto ter a hombridade de distinguir entre opinião racista e incitação ao ódio racial, uma distinção que o grosso da elite reinante não quer fazer para assim poder usar qualquer desabafo como «crime de incitação», para que assim o zé povinho seja intimidado e coagido, na sua própria terra, a comer e calar...

19 de setembro de 2019 às 01:36:00 WEST  

Publicar um comentário

<< Home