segunda-feira, janeiro 30, 2017

BISPOS DOS EUA E DO MÉXICO JUNTOS CONTRA O NOVO MURO

Os episcopados católicos do México e dos EUA manifestaram-se, em comunicados próprios, contra a intenção do atual presidente norte-americano, Donald Trump, de alargar o “muro” entre os dois países.
D. Joe Vasquez, bispo de Austin e presidente da Comissão para os Migrantes dos bispos dos EUA, disse que a prioridade deve ser “construir pontes entre as pessoas”, não criar barreiras.
Para este responsável, o novo muro “fará com que os imigrantes, sobretudo os mais vulneráveis, mulheres e crianças”, sejam ainda mais explorados por “traficantes”.
As críticas estenderam-se à nova política de detenções e deportações dos imigrantes anunciada por Trump, por considerar que a mesma “dividirá famílias e alimentará o pânico e o medo nas comunidades”.
Do México, os bispos católicos manifestaram a sua “dor” perante o anúncio da construção deste muro, para travar a imigração nos EUA.
“Respeitosamente, convidamos todos a fazer uma reflexão mais profunda sobre os modos com os quais se podem garantir a segurança, o desenvolvimento, a criação de novos empregos e outras medidas necessárias e que, sem causar novos prejuízos àqueles que já sofrem, os mais pobres e os mais vulneráveis”, assinala um comunicado da Conferência Episcopal Mexicana.
Os bispos católicos do país anunciam a intenção de “continuar a apoiar” as pessoas que chegam ao México, da América Central e do Sul, com a intenção de prosseguir a sua viagem rumo aos Estados Unidos da América.
*
Fonte: http://www.agencia.ecclesia.pt/noticias/internacional/trump-bispos-dos-eua-e-mexico-juntos-contra-novo-muro/

* * *

Claro que a Igreja Católica tinha de estar contra... Evoca o sofrimento dos inocentes, alegando que o muro vai favorecer os traficantes, isto com a mesma mentalidade de quem diz que é preciso deixar as portas de casa abertas para todos os mendigos inocentes poderem entrar. Quanto mais a segurança for apertada menos os prevaricadores poderão fazer mal quer ao país quer aos inocentes, mas tão óbvia lógica não perturba o funcionamento da argumentação eclesiástica... De resto, quanto aos pobrezinhos, bem se vê a merda que a Igreja faz em África, combatendo as medidas contrárias ao crescimento desordenado da natalidade africana, o que só aumenta a miséria daquela gente e, claro, a sua necessidade de emigrar para a Europa... onde depois poderá talvez encher as igrejas que entretanto estão cada vez mais abandonadas pelos cidadãos de verdadeira cepa europeia, olha que conveniente...
Cada vez se clarifica mais que a Cristandade é, sempre foi, profundamente contrária aos mais legítimos interesses dos Ocidente europeu ou de ascendência europeia.



Etiquetas:

3 Comments:

Blogger João José Horta Nobre said...

Divulguei:

http://historiamaximus.blogspot.pt/2017/01/e-guerra-do-vaticano-contra-as-nacoes.html

30 de janeiro de 2017 às 14:44:00 WET  
Anonymous Arauto said...

Algo com o seu interesse, Caturo:

https://twitter.com/OnlineMagazin/status/822372206164357121/video/1

30 de janeiro de 2017 às 20:15:00 WET  
Anonymous Arauto said...

Uma notícia com o seu interesse, Caturo:

http://rr.sapo.pt/noticia/74745/psp_nao_tem_carros_agentes_queixam_se_de_investigar_com_viatura_propria_ou_de_autocarro

30 de janeiro de 2017 às 23:36:00 WET  

Enviar um comentário

<< Home